A Indústria Química no Brasil

Paranoma da Indústria Química no Brasil

industria-quimicaO setor químico brasileiro até meados da década de 90 era o terceiro do PIB industrial, e desde daí vem tendo uma queda acentuada de investimento, hoje é o quarto do PIB, foi ultrapassado em 2009 pelo setor automobilístico, e na verdade, não está num momento bom porque faltam condições de competividade, como por exemplo a questão de matérias primas a preços adequados, onde o gás de cozinha no Brasil custa quatro vezes o preço do gás nos Estados Unidos, a energia no Brasil é 50% mais cara do que nos Estados Unidos, e também pelos aspectos estruturais, o Brasil é um país com uma tributação elevada, a infra estrutura brasileira ainda é carente, por exemplo, não se consegue trazer de trem produtos de Camaçari até São Paulo, enquanto na Europa inteira se transporta produto pela via ferroviária, e no Brasil o transporte é feito através de caminhão. Todos esses fatores contribuem para que o setor não viva um momento bom de investimento.

2009-2010: Pacto Nacional da Indústria Química

pacto-nacional-industria-quimicaA Abiquim preparou para o biênio 2009-2010 o Pacto Nacional da Indústria Química, onde foi investigada a possibilidade de 167 bilhões de dólares em investimentos, oque significaria mais ou menos, por volta de 16 bilhões de dólares por ano, enquanto que hoje o setor recebe investimentos de 4 bilhões de dólares por ano, e tem-se que a consequência visível desse panorama é o aumento do déficit na balança comercial, que foi por volta de 5 bilhões de dólares no ano 2000, em 2011 foi 25 bilhões de dólares, em 2012 foi de mais 28 bilhões de dólares, e em 2013 superou a marca de 30 bilhões de dólares, então, é o momento que se precisa resgatar a indústria química, e tudo isso é mais grave porque o Brasil criou sua indústria petroquímica e química em uma época que não existia nem petróleo nem gás, ou seja, quando não tínhamos nem mesmo a matéria prima, agora quando estamos no limiar de ter petróleo e gás do Pré-Sal, estamos destruindo a nossa indústria química.

Expansão da indústria química no Brasil

Em contrapartida, a indústria química nacional tem como meta chegar até 2020 como a quinta potência mundial do setor, porém, o impacto que os produtos químicos podem causar nas pessoas e sob o meio ambiente, desde a sua produção até a entrega ao consumidor final levanta preocupações com a segurança, para representantes da indústria química e do ministério do meio ambiente, o setor faz um controle eficiente sobre esses produtos, resultado da chamada auto regulação. A indústria química já hoje tem um padrão de adequação à legislação ambiental muito superior ao demandado, pois a indústria se auto regula de maneira muito mais rigorosa do que o estabelecido pela lei, e por outro lado, há uma demanda adicional de produtos químicos graças ao crescimento do mercado consumidor brasileiro, e a indústria química tem totais condições de atender a essa demanda nacional, porém, é necessário mais investimentos que nos levem a posição dessa quinta maior de indústria química no mundo.

Post A Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *